Estabeleça-um-sistema

Uma dos maiores heranças que podemos deixar para os nossos filhos é a educação em geral, assim como a educação financeira. Muitos dizem que dinheiro não traz felicidade, mas a falta e a má administração dele tem sido fator determinante da infelicidade, uma vez que causa estresse, desentendimentos e até mesmo depressão. Por isso, nunca é tarde para ensinar seus filhos a gerenciar suas finanças e auxiliar na tão sonhada conquista pelo sucesso financeiro. Veja aqui 5 dicas e coloque-as em prática.

  1. Abra uma conta bancária para seu filho(a)

Aproveite ao abrir uma conta bancária para o seu filho(a), a oportunidade para conversar sobre dinheiro. Explique com paciência e de maneira simples como a conta funciona e as vantagens de economizar seu próprio dinheiro.

Algumas mães encontram maneiras criativas de incentivar o filho(a) a economizar dinheiro, como colocando estrelinhas para cada contribuição deles no banco, por exemplo.

  1. Seja transparente sobre a situação financeira da família

É importante explicar a situação financeira para os seus filhos desde o começo. Pode ser frustrante não poder comprar tudo o que os amigos dos seus filhos têm, porém mais frustrante ainda é seus filhos, em suas vidas adultas, não conseguirem estabelecer limites em suas compras, uma vez que eles entenderam que podem ter tudo.

  1. Dê ao seu filho(a) a oportunidade de ganhar dinheiro

Recompense seu filho(a) com dinheiro por algum trabalho ou tarefa atribuída a ele(a). Deixe claro que a criança vai receber, especifique a quantia e cumpra. 

Caso eles não cumpram com a responsabilidade, não pague-os. É importante que eles saibam que estão trabalhando duro e que a recompensa valerá a pena.

  1. Ensine-o(a) a administrar o dinheiro

Existem algumas técnicas para isso. Uma delas é dividir o dinheiro em categorias (o quanto ganhou, gastou e economizou) e a partir dessas categorias administrar melhor para o próximo mês, caso seu filho(a) tenha que economizar mais por necessidade ou por querer investir em algo ou comprar algum produto específico. Mostre a eles! Veja mais dicas para um orçamento eficaz:

  1. Dê ao seu filho(a) a liberdade de decisão nas compras

Dê a eles orientação na compra, mas respeite suas decisões. Muitas vezes o pais se preocupam com a escolha de compras dos filhos, seja pela qualidade do produto, por não ter muita utilidade, etc. Porém, eles precisam cometer alguns erros para depois tomarem decisões mais sábias.

Compartilhe nas Redes Sociais:

Fonte: Kowa


Leia também

Vida e dinheiro – Qual é a solução do mistério?

Todos os livros, blogs, sites, vídeos, dentre outros materiais produzidos por especialistas em #educação financeira do Brasil e do mundo ensinam formas simples que qualquer pessoa pode adotar para ter o controle sobre suas contas pessoais e quem sabe até alcançar a ...

Especialista dá dicas de planejamento financeiro para 2017

Por conta da crise econômica no país, muitas pessoas tiveram que se adaptar a novos padrões de vida. Também há aqueles que se perderam em meio às dívidas. O G1 conversou com o especialista em finanças Célio Tavares, que deu ...

Oito pequenas atitudes para não engordar durante a viagem de férias

 É comum aproveitar as férias para se distrair, sair da rotina e viajar. Mas, e quando quem te pega de surpresa são os indesejáveis quilinhos a mais, muitas vezes resultados dos exageros alimentares e da falta de exercícios físicos? Para ...

Dia das Crianças: uma data para adultos e pequenos

Sabe-se que o índice de endividamento, embora, vez ou outra, caia, ainda é muito alto, não só em nosso país, mas no mundo. No entanto, esse problema já está afetando os mais jovens e o consumo exacerbado e sem planejamento ...

Mais de 75% dos jovens brasileiros compram por impulso

Pesquisa mostra ainda que maior parte do dinheiro que adolescentes recebem é gasta no curto prazo, e que eles estão se endividando mais cedo.Os jovens estão gastando mais no curto prazo e fazendo compras por impulso. É o que mostra ...