img_laptop_creditcard_360x540

Faça do seu cartão de crédito o seu melhor amigo, não o seu pior inimigo. Confira as dicas:

Nunca é tarde para aprender a lidar melhor com nossas finanças. Então, vamos começar pelos nossos cartões de crédito. Assim como eles facilitam a vida, concentrando os pagamentos em uma mesma data ou permitindo o acumulo de benefícios como descontos em empresas parceiras, os cartões podem acabar com a vida financeira de uma família. Isso porque as taxas de juros são as mais caras ofertadas pelo mercado: 292% ao ano, de acordo com dados do Banco Central. Ainda assim, a pesquisa “Perfil do Consumidor”, da Boa Vista SCPC, aponta o meio de pagamento como o mais utilizado neste primeiro semestre de 2018 ao se financiar uma compra, mencionado por 49% dos entrevistados.

Inicie sua jornada de educação financeira seguindo essas orientações simples:

1 – TENHA SOMENTE UM

A tentação de ter vários cartões com os motivos de ter datas diferentes de vencimento e limites maiores pode ser uma armadilha. As pessoas geralmente esquecem os gastos que fazem em um e no outro. Então, é melhor ser simples: tenha um cartão e organize-se para que todos os gastos caibam no limite mensal dele.

2 – USE OS APLICATIVOS

Todas as operadoras de cartão oferecem ao seu cliente uma versão para acompanhar os gastos via aplicativos para smartphones e tablets. Use! Mesmo que no início seja difícil criar o hábito de acompanhar, com o tempo você terá o controle financeiro de seus gastos na palma da mão.

3 – DEIXE O CARTÃO EM CASA

Esse é um conselho para você que não resiste a uma promoção. Muitas vezes, mesmo sem dinheiro, as pessoas compram algo só porque está na promoção. Nessas horas ter um cartão de crédito é quase portar uma arma. Por isso, para não cair na tentação, saia de casa sem o cartão sempre que possível.

4 – NEGOCIE AS TAXAS

Como a maioria das anuidades são parceladas, às vezes você está pagando um valor alto pelas taxa administrativa e nem está sabendo. Por isso, ligue para sua operadora e negocie descontos. Sempre é interesse em ambas as partes que o melhor negócio seja feito e quase todas as operadoras trabalham com um limite de negociação.

5 – CONSIDERE COMPRAR À VISTA

Sabemos que essa é a dica mais difícil, mas será mesmo que você precisa comprar tudo no usando o cartão de crédito? Essa pergunta é necessária, porque muitos usuários possuem limites altos e acabam perdendo o “fio da meada” nos gastos de menor valor. Prefira, então, sempre pagar à vista. Assim, você sentirá quando o dinheiro estiver acabando.

Fonte: ESBRASIL


Leia também

Inmetro dé dicas para economizar R$ 700 ao ano

 Com o verão escaldante nas últimas semanas, o consumidor não pensa duas vezes na hora de recorrer a aparelhos que refrescam e reduzem a sensação de calor como o ar condicionado, ventiladores, geladeiras, entre outros. Sabe-se que nesta época ...

Especialista de Uberlé ndia dé dicas de como economizar na ceia de Natal

O Natal está chegando e o comércio em Uberlândia já está abastecido com os produtos consumidos nessa época, como vinhos, castanhas, frutas secas e panetones. Para quem deseja gastar menos a dica é pesquisar, já que a grande variedade desses ...

Atitudes simples para cortar despesas

A melhor maneira de economizar dinheiro é saber com o que exatamente se gasta e quais as despesas que podem ser cortadas. Mesmo que isso tome muito tempo, vale a pena para rastrear cada centavo e impedi-los de serem ...

Dicas para reformar a casa e não entrar no vermelho

Antes de começar as obras, é preciso planejar. Quais são os gastos, quanto se tem em caixa e quais materiais podem ser trocados por outros mais baratos. Confira abaixo as dicas para reformar a sua casa. OrganizaçãoEm primeiro lugar é preciso ...

A complexa Educação Financeira

Escolas particulares do ensino fundamental adotam práticas de educação financeira há pelo menos uma década. Entre elas, estão debates sobre mesada, simulação de feiras e de bancos, visitas a supermercados, montagem de orçamentos e participação em desafios simulados de investimento ...