A importância de um plano de aposentadoria complementar

Diante dos seguidas notícias sobre o aumento do rombo do INSS e das dificuldades para aprovar aumento da aposentadoria, fica cada vez mais difícil depender exclusivamente os proventos pagos pelo INSS. O INSS está fadado a quebrar e alguém provavelmente ficará sem receber ou terá um grande corte em suas aposentadorias, seja pela falta de reajustes ou por abatimentos mesmo, o que já vem ocorrendo, por sinal. Portanto, se não nos preocuparmos com nossa aposentadoria complementar, teremos realmente problemas para sobreviver. Quem depender apenas do INSS terá uma grande queda no padrão de vida ao longo dos anos. Podem perguntar para seus pais ou avós quanto eles conseguiam comprar com os proventos que recebiam assim que se aposentaram e quanto eles conseguem agora, que você terá um grande susto.

Felizmente todos têm se conscientizado da necessidade de planejar uma aposentadoria complementar, que pode ser feita de várias maneiras (previdência privada, títulos públicos, fundo de investimento em ações). Percebemos que as pessoas se preocupam principalmente em investir para garantir uma aposentadoria mais tranquila, se possível atingindo a independência financeira.

Obviamente cada um tem suas prioridades e certamente muitos também investem numa aposentadoria complementar. Entretanto, o mais importante é também considerar um plano para complementar sua aposentadoria no futuro.

Leia artigos e livros (temos vários sugestões no final da página), acompanhe blogs, faça cursos, converse com seu gerente ou analista de investimentos, amigos… Enfi, dê a devida importância aos seus investimentos.

Se não tiver tempo para se dedicar a isso, contrate uma consultoria financeira. O dinheiro que você investirá será mínimo perto do ganho que terá com a otimização dos rendimentos de seus investimentos. Pense nisso!