Aposentadoria traz qualidade de vida

Um estudo recentemente realizado na França sugere que a maior parte dos aposentados se sente mais jovem e saudável pouco depois de parar de trabalhar.

Avaliando cerca de 15 mil funcionários franceses das empresas estatais de gás e eletricidade, os pesquisadores da Universidade de Estocolmo e da University College de Londres descobriram que o número de entrevistados que afirmou não estar bem de saúde caiu de 19% um ano antes da aposentadoria para 14% um ano depois.

De acordo com os pesquisadores, as maiores melhorias de saúde pós-aposentadoria foram notadas entre aqueles que tinham um ambiente de trabalho insatisfatório. E, entre aqueles que ganhavam mais e tinham empregos mais gratificantes, não foram notadas grandes mudanças. Em artigo publicado na revista científica Lancet, os especialistas destacam que é essencial melhorar as condições de trabalho para minimizar os efeitos nocivos à saúde, em uma época em que as pessoas vêm permanecendo cada vez mais tempo no mercado de trabalho.