Sem categoria
13/01/14

Dé um passo a cada dia. E, ao final de um ano, você terá dado 365 passos

São as pequenas coisas, feitas de modo constante, que criam maior impacto. Não há motivo para você não conquistar seu sonho, seja ele qual for. O que você precisa é de execução. Ou seja, começar a agir. E a agir consistentemente. Todo dia. A cada dia. Mais um pouco. Até virar um hábito.

Um passo de cada vez

Economize R$ 10 por dia. E, ao final de um mês, você terá economizado R$ 300. O que significa que, ao final de um ano, você terá economizado R$ 3.650. Parece pouco? Pois saiba que tem muita gente que fechou 2013 com menos dinheiro do que começou 2013, mesmo ganhando be, acima de R$ 5 mil mensais. E não foi por culpa dos investimentos. Foi por culpa dos hábitos de consumo excessivo e irresponsável.

Economize R$ 100 por dia. E, ao final de um mês, terá juntado R$ 3 mil. Melhor ainda, ao final de 365 dias, você terá aumentado seu patrimônio em R$ 36.500 – e isso sem contar os juros da aplicação financeira. Isso é uma coisa difícil, mesmo para aqueles que ganham acima de R$ 10 mil, se forem contaminados pelo vírus do consumismo. Mas é possível. E isso tem que ser feito dando-se um passo a cada dia, e mantendo o compasso.

É claro que essas reflexões não se restringem ao campo puramente financeiro. Aplicam-se a qualquer área de sua vida.

Quer ganhar mais saúde, melhorar a sua aptidão cardiorrespiratória, conquistar qualidade de vida e colecionar “excelentes“? Comece com 15 minutos diários de caminhada. Mantenha o compasso. Faça progressos. E, ao final de um ano, você estará correndo uma maratona de 42 km.

Quer finalmente perder aqueles 15 kg extras que estão “massacrando” suas costas, fazendo você carregar peso extra desnecessariamente, além de te deixar com uma barriga saliente nada invejável? Dê um jeito em seu estilo de vida. Coma menos (e melhor) a cada dia. Assista menos televisão. Pratique esportes. Durma melhor. Um passo a cada dia. E, com 365 comportamentos diários executados de forma consistente, eu duvido que você não melhore de vida.

Quer passar no vestibular, numa entrevista de emprego, numa prova de concurso, ter êxito num empreendimento? Dê um passo a cada dia. E mantenha o compasso. Comece com meia hora diária de estudos. Aumente progressivamente o ritmo, para 45 minutos diários após a segunda semana, 1 hora diária após o primeiro mês. E vá em frente. Agindo assim, ninguém vai te segurar. Você vai conseguir.

Se tudo isso parece de uma obviedade elementar, como já destaquei inclusive em outro artigo, Dica prática, mas geralmente difícil de ser cumprida na prática, para melhorar suas finanças pessoais: pratique o óbvio, por quê boa parte dos planos de metas, e resoluções de Ano Novo simplesmente fracassam?

Por, basicamente, dois motivos.

Primeiro, porque não dão o primeiro passo. Não começam. Si, é verdade. Boa parte das pessoas promete para si mesmo que no ano que se inicia começará, digamos, a frequentar academia. Mas não dão o primeiro passo. Não se matriculam.

Ficam postergando, protelando, adiando… e terminam o ano exatamente como começaram. Deve ser frustrante, não é mesmo? E é. Afinal, como você obterá aquilo que quer, se aquilo que está em sua mente não sair da sua mente e ir para a realidade prática? Trate de dar o primeiro passo!

O segundo motivo, tão grave quanto o primeiro, é não ter consistência. Você até que começa o ano conseguindo acordar 5:30 da manhã, com energia e disposição, como havia prometido a si mesmo em 31.12.2013. Mas, logo após a primeira semana, resolve assistir aos incríveis filmes e programas de TV que passam à noite, ou inventa 1.001 compromissos para o período noturno, e o resultado é que você volta ao velho padrão de acordar tarde, cansado, com sono e estressado. Cadê a consistência?

Você precisa formar um hábito, para que seu plano de metas dê certo. Substituir hábitos velhos e ruins por hábitos modernos. Anotar no papel sua progressão, para você, com o perdão da redundância, “ver com seus próprios olhos” que está progredindo no cumprimento de seus objetivos. Vale até criar um blog e chamar amigos e parentes para cobrar por seu desempenho.

O que importa é, uma vez dados os passos iniciais, prosseguir na jornada, de forma consistente e coerente.

Conclusão

Se você não der um passo a cada dia visando conquistar um resultado positivo para sua vida, você estará, de forma inevitável, dando um passo a cada dia em direção à produção de um resultado negativo.

Aqui, não há meio termo: ou você muda sua vida para melhor, ou você, com sua inação, muda sua vida para pior.

Experimente continuar fumando um maço de cigarros a cada dia. Ao final de um ano, você terá fumado 365 maços. Não é pouca coisa.

Continue gastando R$ 100 por dia em coisas desnecessárias, produtos que são um lixo, taxas e tarifas bancárias. E, ao final de um ano, você terá gastado R$ 36.500 em bobagens (se bem que tem gente que gasta muito mais do que isso). Não é pouca coisa.

Continue deixando de praticar esportes, dormir um sono revigorante, e comer coisas saudáveis a cada dia que passa. E, ao final de um ano, você terá perdido 365 oportunidades de melhorar sua qualidade de vida. E isso, definitivamente, não é pouca coisa.

Termino esse post com uma frase que escrevi em outro artigo:

Não espere que alguém transforme sua realidade física: faça você mesmo e veja o resultado acontecer!