Desempenho dos fundos de pensão na d cada

As vantagens da previdência privada ficam incontestáveis com o tempo de investimento.

Sempre que o horizonte se alonga, as boas notícias brotam. É por isso que se diz que é uma aplicação de longo prazo, para 20, 30, 40 anos.


O Núcleo Técnico da Abrapp, a Associação que congrega os fundos de pensão brasileiros, divulgou os resultados dos últimos 10 anos.


A rentabilidade acumulada de 2003 para cá atingiu 400%, muito acima da chamada meta atuarial do período, que ficou em 216,81%. Meta atuarial é a estimativa de quanto deve render o Plano para que as aposentadorias prometidas possam ser pagas.


Com o retorno dos fundos de pensão de quase o dobro do esperado – e a manter-se essa performance – quem contribuiu sonhando com R$ 4.000,00 de aposentadoria terá R$ 8.000,00.


O estudo mostra também que, dos investimentos feitos pelos fundos de pensão, os imóveis foram os de melhor retorno no período de 10 anos: 593%.

Quase junto estão as ações com 588% de rentabilidade, os dois bem à frente da renda fixa, como investimentos em títulos públicos, que renderam 340%.