Esteatose Hepé tica, você sabe o que significa?

Esteatose Hepé tica, você sabe o que significa?

27711Cerca de 20% da população sofre de esteatose hepé tica, também conhecida como gordura no fé gado.

Pensando nesse vilé o silencioso, o Instituto para Cuidado do Fé gado (ICF) atuadesde 2009 e trabalha de forma voluntária visando o atendimento 100% gratuito,orientando a população em geral não sé sobre a esteatose, mas também diagnosticando as demais doené as hepé ticas, seus tratamentos, inclusive realizando transplantes.

O ICF atende em média 250 pacientes por mês epossui mais de 10 mil pacientes cadastrados, com um número superior a 100transplantes de fé gado, tudo isso possé vel graé as a doações que mantem o instituto.

Algumas dicas são importantes para ajudar a prevenir a doené a (esteatose).

Em primeiro lugar, cuidar com o consumo dos carboidratos, e sempre que possé vel, trocar a farinha branca pela integral.

Aten o também com as frituras, carne vermelha em excesso, manteiga e biscoitos industrializados que contem muita gordura e fazem mal ao organismo.

Essa matemática de excessos não acaba sé com a silhueta, mas, principalmente, com o fé gado.

Em tempo, doces também não ajudam na manuten o da saúde. Outro alerta é que um fé gado gorduroso transforma muitas vezes um simples e rotineiro alimento em algo ruim e nocivo é saúde.

é o caso da taé a dié ria de vinho que muitos médicos defendem o consumo, poré m para um paciente com esteatose, essa dose não é recomendada e chega a ser até perigosa em alguns casos.

O correto é investir nas fibras como a aveia, o farelo de trigo, massas integrais, frutas e, claro, muita verdura, fontes certas para uma alimentação e vida saudável.

Existem também as gorduras já do bem já como os é cidos graxos monoinsaturados e os polinsaturados.

Não se pode deixar de lado o exercé cio fé sico, uma vez que não hé medicamentos para o tratamento da esteatose.

O recomendado é dieta e exercé cios para assim voltar a ter um fé gado e uma vida saudé veis.

O que o Instituto para Cuidado do Fé gado quer com esse alerta é conscientizar a população para este mal silencioso que sé pode ser diagnosticado em exames de sangue ou quando a doené a já estiver em estado avané ado.

Texto: Dr. Fé bio Porto Silveira – Cirurgié o do Aparelho Digestivo – Diretor executivo – ICF Instituto para Cuidado do Fé gado – www.icfigado.org