Organizando as finanças

No último artigo do ano quero partilhar com os leitores algumas ideias que li em 2 artigos recentemente no Jornal já Valor os té tulos dos textos são os seguintes: já Organizar finanças vira prioridade né 1 já e já Mudané a de estilo de vida requer disciplina já . Caro leitor, saiba que a educação financeira está muito mais ligada com os seus comportamentos e suas escolhas do que com a simples matemática. Afinal de contas, tudo é uma questão de estilo de vida e de escolhas, e elas podem e irá o fazer toda a diferené a nos resultados que você irá colher na sua vida financeira.

Isto sim é importante: já Mais do que organizar os gastos em tabela, é preciso realizar uma mudané a comportamental já . Sé o palavras do presidente da Associação Brasileira dos Educadores Financeiros (Abefin), Reinaldo Domingos. E ele complementa: já A planilha sé serve para as pessoas colocarem em ordem os fatores: quanto eu ganho, onde gasto. é uma fotografia do que já foi feito. Somente a sua ané lise, somada a mudané a de comportamento podem conscientizar sobre a importância da redução de custos, por isso dizemos que a educação financeira é muito mais comportamental do que matemática. […] Sé fazendo o diagnóstico financeiro de onde cada centavo é gasto é que as pessoas conseguiré o come ar a economizar dinheiro para poupar já .

é vé lido citar que Cerbasi afirma que toda crise é uma oportunidade de recome ar. Sé o palavras dele: já Nas crises, a constatação geral é de sofrimento nas famílias, mas esse sofrimento sé acontece porque essas famílias tentam manter um estilo de vida dos tempos de bonané a que, infelizmente, já não se pagam. Aquelas famílias que foram mais é geis em aproveitar a queda no pre o dos imé veis ou dos alugué is e reduziram seu custo fixo estão vivendo com um planejamentomais leve, talvez até com mais qualidade de vida do que antes, sem a ansiedade pelo esgotamento das possibilidades já .

O segundo artigo citado come a com as seguintes palavras: já Com a reforma da Previdência avané ando e a aposentadoria dependendo cada vez mais do indivé duo, a atividade de planejador financeiro, comum em países desenvolvidos, deve ganhar espaís o no Brasil. Esses profissionais ajudam pessoas e famílias a organizarem suas vidas financeiras, definindo estraté gias para cada objetivo, de curto, médio ou longo prazo.

E podem ser muito é teis tanto para quem não tem dinheiro, e precisa sair de uma dé vida, por exemplo, quanto para definir a melhor forma de guardar para uma aposentadoria tranquila ou para aquele sonho de viajar, comprar um imé vel ou pagar a faculdade dos filhos já . André Novaes, CFP, diretor da Associação Planejar, antigo IBCPF, que re ne os profissionais de planejamento financeiro diz que: já O planejamento deve ser uma decisão de mudar o estilo de vida, de torné -la mais intencional e planejada. […] é o equilé brio entre o hoje e o amanhé, é gastar sabendo que se vai poder continuar fazendo isso mais adiante já .