Você sabia que a Previdência Complementar lhe ajuda a obter benefícios fiscais?

leao calmo

Uma das vantagens da Previdência Complementar é a possibilidade de dedução do Imposto de Renda

Os planos de previdência complementar são produtos financeiros de longo prazo. Tendo em vista esse horizonte que visa, geralmente, objetivos como a aposentadoria ou a aquisição de um bem próprio no futuro, eles dispõem de alguns incentivos tributários. Além de não ter a incidência do Come-Cotas, você tem a possibilidade de escolher entre duas tabelas de tributação, a regressiva ou a progressiva

duas tabelas de tributação, a regressiva ou a progressiva
.

Na tabela regressiva, que é uma exclusividade dos planos de previdência complementar, as alíquotas são decrescentes e variam de acordo com o tempo em que os recursos ficam aplicados no plano, com a máxima de 35% e a mínima de 10%, menor que grande parte dos investimentos nos quais o IR é cobrado. O IR só é pago no momento de resgate do benefício.

Na tabela progressiva, os participantes ativos têm a possibilidade de realizarem contribuições adicionais para o seu plano e, desta forma, pagarem menos Imposto de Renda (IR). As contribuições para o plano de previdência complementar podem ser deduzidas da base de cálculo do Imposto de Renda até o limite de 12% da renda bruta anual, isto para quem faz a declaração completa. Caso não atinja o limite de 12%, o participante pode fazer contribuições extras para atingir esse percentual e garantir a dedução máxima. Assim, os ganhos acontecem no presente, com o pagamento de um valor menor de IR, e no futuro, com o aumento do valor do seu benefício.

Faça A Escolha Certa!